Anuncio

Colapsar
No hay anuncio todavía.

Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

Colapsar
X
 
  • Filtrar
  • Tiempo
  • Mostrar
Limpiar Todo
nuevos mensajes

  • #46
    Respuesta: Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

    Hermanos:

    Seguem mais dados acerca do MAR-1.
    Abraços!!!

    Mecton: MAR-1|PLANO BRASIL

    Comentario


    • #47
      Respuesta: Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

      Desenvolvimento do Sistema de Armas REMAX






      Maj QEM Marcello Menezes Eifler meifler@ctex.eb.br


      O Reparo de Metralhadora Automatizado X (REMAX) é um sistema de armas1,2 em desenvolvimento no CTEx, que permitirá ao atirador de uma Viatura Blindada de Transporte de Pessoal – Média de Rodas (VBTP-MR) a realização das seguintes operações com metralhadora .50" ou 7,62 mm: observação da região de combate
      em 360º, busca e identificação de alvos, realização da pontaria e do tiro com campo vertical de -20º a 60º.
      Essas operações serão remotamente controladas por intermédio de um monitor e de alavanca de manejo e poderão ser realizadas de dia ou à noite.
      O REMAX está sendo desenvolvido de forma incremental com a seguinte abordagem:

      — fase I: o sistema permitirá a realização do tiro diurno da metralhadora .50";
      — fase II: o sistema poderá alternativamente empregar a metralhadora 7,62 mm;
      — fase III: será acrescentado equipamento de visão noturna; e
      — fase IV: o sistema será estabilizado de forma a permitir o tiro com a viatura em movimento.

      Apresentação do REMAX
      Em 28 de maio de 2008, foi realizado no CAEx a apresentação do REMAX à comitiva do DCT. Na oportunidade, foram demonstradas as principais funcionalidades do referido sistema, em particular, da operação remota da metralhadora .50".

      Conclusão da fase I
      Em 4 de junho de 2008, foram realizados os ensaios de desenvolvimento previstos para o término da primeira fase. Após a instalação do REMAX em estativa da Linha I do CAEx, acompanhado da respectiva metralhadora, foram verificadas as características de rotação no plano horizontal e no plano vertical; confirmadas as possibilidades de observação e busca de alvos; e realizadas diversas rajadas de 5 e 10 tiros,
      remotamente controladas.
      Constatou-se o funcionamento satisfatório do conjunto previsto para a primeira fase de desenvolvimento. Um passo fundamental para a autonomia tecnológica em modernos sistemas de armas foi concretizado com êxito.



      1 No mercado internacional de armamentos, o REMAX é referido como estação de armas remotamente controlada (remotely controlled weapon station).
      2 O REMAX é o único sistema de armas de sua modalidade em desenvolvimento em países ao Sul do Equador.



      Canhão 30 mm brasileiro Uma alternativa para viatura blindada


      Maj QEM Marcello Menezes Eifler meifler@ctex.eb.br
      Em face de restrições internacionais, por ocasião do desenvolvimento da aeronave AMX, a Força Aérea Brasileira estimulou e fomentou o desenvolvimento do canhão 30 mm ar-ar.
      Assim, a empresa Target se capacitou para a produção de uma arma com elevado índice
      de nacionalização. Esse canhão é empregado pela FAB nas aeronaves F-103-Mirage e A1-AMX.
      O canhão 30 mm ar-ar compõe-se de cano, caixa da culatra e mecanismo de alimentação; emprega munição 30 mm x 113 mm, produzida pela Companhia Brasileira de Cartuchos; possui alcance de utilização de 2.000 m; e sua cadência é 1.500 tiros/minuto.
      Atualmente, a documentação técnica e o direito de fabricação do canhão 30 mm ar-ar pertencem à empresa Ares Aeroespacial e Defesa Ltda. A citada documentação inclui projeto de componentes e logística de manutenção, com itens como ferramentas especiais, bancada e dispositivos de testes.
      Como parte dos estudos de sistema de armas em curso no CTEx, em 28 de maio de 2008, por ocasião de visita de comitiva do DCT, foi realizada no CAEx uma demonstração do disparo do canhão 30 mm ar-ar. Em substituição ao ambiente de emprego em aeronave, a arma foi instalada em estativa, por intermédio de uma interface convenientemente construída; e foi realizada a adaptação de um mecanismo elétrico de
      acionamento remoto.
      Em um projeto de sistema de armas para viaturas blindadas, a utilização do canhão 30 mm ar-ar, com as adaptações requeridas, torna-se uma alternativa viável, desejável e indutora de autonomia tecnológica. Entre as alterações requeridas, podem ser citadas:
      redução da cadência de tiro, automação do mecanismo de alimentação e desenvolvimento do cano (que, na versão atual é uma das peças importadas).


      .: Página Oficial do CTEx - Centro Tecnológico do Exército.:

      Comentario


      • #48
        Respuesta: Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

        Que bueno Brasil!!!

        Comentario


        • #49
          Respuesta: Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

          El Exocet Nacionalizado, MAN-1, ahora conocido como AV-RE40. Al fondo, el vant nacional Falcão, presentados durante la LAAD 2011.

          Saludos







          Saludos

          Comentario


          • #50
            Respuesta: Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

            Noticias de LAAD:

            Bombas da Britanite

            Visitamos o estande da Britanite e conhecemos alguns detalhes dos ensaios da nova bomba guiada que está prestes a ser homologada. A bomba já foi lançada tanto pelo A-29 Super Tucano quanto pelo A-1, e a Britanite mostrou bastante entusiasmo com os resultados obtidos até o momento.




            Fuente y foto: Poder Aéreo

            Saludos!

            Comentario


            • #51
              Respuesta: Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

              Radar SCP-01

              O Radar SCP-01 foi projetado para ser instalado a bordo do Avião AM-X e operar como o sensor principal do seu subsistema de armamento.Sua função principal é a detecção e o rastreamento de alvos marítimos (modo Ar-Mar), terrestres no modo Ar-Terra e aéreos (modo Ar-Ar).


              Saludos

              Comentario


              • #52
                Respuesta: Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

                Excelente. Los felicito.
                El pájaro no teme, aunque se estremezca la rama sobre la que está posado, porque sabe que tiene alas.

                Comentario


                • #53
                  Respuesta: Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

                  Originalmente publicado por pepemagnus Ver Mensaje
                  Excelente. Los felicito.
                  Nuestro primero radar nacional

                  Comentario


                  • #54
                    Respuesta: Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

                    AF-1 Testando la SMKB:

                    Comentario


                    • #55
                      Respuesta: Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

                      Originalmente publicado por Brasil Ver Mensaje
                      AF-1 Testando la SMKB:

                      Amigo publique algun resultado !!!!

                      Saludos

                      Comentario


                      • #56
                        Respuesta: Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

                        Originalmente publicado por Curioso Ver Mensaje
                        Amigo publique algun resultado !!!!

                        Saludos
                        Me parece que el CEP maximo es de 4 metros (El mayor error que puede tener). En los testes estan iniciales se lograva un cep de 6 metros. Hoy me parece que el cep maximo esta entre 3 y 4 metros.


                        Un video:



                        Saludos
                        Editado por última vez por Brasil; https://www.aviacionargentina.net/foros/member/1271-brasil en 11/12/11, 10:23:20.

                        Comentario


                        • #57
                          Respuesta: Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

                          Explicacion y tiro con el sistema MLRS ASTROS II



                          El míssil nuevo, AV-MT 300, tiene un alcance de 300KM.


                          Saludos

                          Comentario


                          • #58
                            Respuesta: Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

                            Increible todo este progreso, no imaginaba que se estaba tan avanzado en esta materia, creo que ya se esta suficientemente maduro para complementar las industrias entre brasil y argentina para reemplazar armamento extranjero y desarrollar el propio.
                            Porque se demora tanto en equipar a los A-4AR con bombas guiadas, misiles antiradiacion de produccion regional?

                            Comentario


                            • #59
                              Respuesta: Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

                              Hay algo parecido en Argentina al astrosll? El cp30?

                              Saludos

                              Comentario


                              • #60
                                Respuesta: Made in Brazil - Missiles, bombas y similares

                                Originalmente publicado por Rusomagno Ver Mensaje
                                Increible todo este progreso, no imaginaba que se estaba tan avanzado en esta materia, creo que ya se esta suficientemente maduro para complementar las industrias entre brasil y argentina para reemplazar armamento extranjero y desarrollar el propio.
                                Porque se demora tanto en equipar a los A-4AR con bombas guiadas, misiles antiradiacion de produccion regional?

                                -La DARDO II podra ser utilizada como arma de precisión, arma táctica, arma contra carro, arma contra pistas, arma anti buque y como arma anti radar



                                Saludosss
                                Roberto

                                Comentario

                                Trabajando...
                                X